Uma subida ilegal até o topo da Pirâmide de Gizé

A Necrópole de Gizé, ou simplesmente Piramide de Gizé, foi construídas próximo de  2700 a.C e ”vive” até os dias como sítio arqueológico localizado no planalto de Gizé, nos arredores de Cairo, Egito. Construídas em pedras, serviam como tumbas para os reis Kufu (ou Quéops), Quéfren, e Menkaure (ou Miquerinos) – pai, filho e neto.

O local teve seu melhor tempo na história entre 2686 até 2345 a.C. com a terceira até  sexta dinastia. Apesar de todo seu passado histórico e também mistérios sobre suas construções, uma das pirâmides teve um invasor, e resolveu subir até o topo para registrar esse momento.

Andrej Ciesielski de 18 anos, não hesitou em subir, chegou decidido a fazer o feito ilegal.

O parque arqueológico, é aberto ao publico, e qualquer visitante é proibido de subir. Além de ser um trajeto perigoso, com o tempo, toda a estrutura estará degastada e como a maioria dos humanos não tem noção do contexto histórico resolve ter esse tipo de atitude.

Confira como foi subir na Pirâmide de Gizé

Podemos ver no vídeo que não houve nenhum problema para o alemão realizar esse ”feito”, as imagens são incríveis e você pode notar que MUITOS já subiram, deixando inclusive o nome marcado nas rochas, o que é uma grande burrice do ser humano. Enfim, apesar das incríveis imagens, isso deveria ser feito por um Drone, por exemplo, podendo até pousar no topo da pirâmide sem deixar marcas de nomes em rochas históricas.

Andrej foi preso pela polícia quando desceu, porém, liberado após um interrogatório. Deixando de ser uma punição para o alemão, fazendo com que encoraje mais pessoas a fazerem isso.

E você, acha correto a atitude de realizar uma subida, ou queria punições mais graves à quem faz isso?

Confira algumas fotos das Pirâmide de Gizé

piramide_de_gize_1 piramide_de_gize_3 piramide_de_gize_2

Fonte

Loading...