Às 22:25 horas do dia 11 de dezembro, um grande meteoro foi detectado nos céus da Andaluzia e Castilla la Mancha. De acordo com dados recolhidos medidos pelas estações de Calar Alto (Almería), La Hita (Toledo), La Sagra (Granada), Sierra Nevada (Granada) e Sevilha, o objeto iluminou o céu com uma grande intensidade, sendo visível a partir de vários pontos da Península Ibérica. A informação preliminar, analisada pelo professor José María Madiedo indica que a bola de fogo poderia ter afetado a Terra, se algum pedaço maior dele tivesse caído.

Loading...